Molho de linguiça e creme de leite

A cozinha italiana tem profunda fé no ingrediente.  Três ou quatro bons elementos são tudo de que uma receita trivial precisa para virar um prato marcante, daqueles que a gente serve com gosto para as visitas.

2

Há uma sequência de receitas assim no livro no Fundamentos…: entradas ou pratos principais facinhos de fazer que se revelam quando se usa a matéria-prima na época certa, ou quando o capricho transforma o simples em grandioso. Seria uma bobagem falar de todos eles por aqui, por isso decidi evitar a reprodução dessas receitas mais elementares no blog – a menos que façam parte de algum preparo mais complicado ou de alguma história que eu queira contar. Abobrinhas empanadas em farinha e água, por exemplo. Palitos de cenoura marinados. Aspargos refogados e servidos com parmesão. Uma dúzia de molhos para macarrão.

O caso de hoje é exatamente o que descrevi. Dias atrás descobri uns gomos de linguiça fresca em casa (outro tipo que não era a toscana) e um restico de creme de leite. Fucei o livrão e descobri o que fazer pro jantar: macarrão com molho de linguiça. O rango ficou tão bom que, de cara, escolhi a mesma receita para fazer num encontro de amigos. Parece comida de solteiro apressado. Não é, não. Em Bolonha, a massa que acompanha este molho se chama gramigna. Vale usar qualquer massa pronta, mas as curvas e  cavidades absorvem melhor o sabor e podem “esconder” os pedacinhos de linguiça (quem é que nunca brincou de ficar adivinhando os recheios das massas?). Dei uma BELA mexida nas quantidades – achei massa demais pra pouco molho, além de carregar um pouco mais na cebola, então a receita a seguir é, mais uma vez, uma adaptação a que está no livro.

1

MOLHO DE LINGUIÇA E CREME DE LEITE
(serve 3 porções)

225 g de linguiça sem erva-doce, pimenta ou outro tempero forte
370 g de massa (de preferência, fusilli ou conchiglie)
2 colheres (sopa) de cebola picada
2 colheres (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de óleo vegetal
2/3 de xícara de creme de leite
pimenta-do-reino preta moída na hora
sal a gosto
queijo parmesão

1 Tire a pele da linguiça e corte-a em pedacinhos bem miúdos. Numa panela, refogue a cebola junto com a manteiga e o óleo vegetal em fogo baixo, até ele ficar levemente dourada. Acrescente a linguiça e cozinhe por 10 minutos.

2 Enquanto refoga a linguiça, cozinhe o macarrão em água salgada e fervente. Escorra.

3 Acrescente no molho o creme de leite e mexa bem. Parece que a gordura vai se desligar do molho, mas é só continuar mexendo, com fogo baixo ou médio, até ele engrossar levemente. Polvilhe pimenta-do-reino e acerte o sal, se achar necessário (prove antes, porque alguns tipos de linguiça são mais salgados e dispensam o acerto de temperos depois).

4 Junte o macarrão escorrido ao molho, incorpore bem, e sirva em seguida com queijo parmesão à parte.

3

 

Dificuldade: fácil
Precisa de quê? Fogão
Tempo: 30 min

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s