Logo mais

O blog entrou em recesso não-programado já faz mais de mês. Deu gastura de ver o preço das coisas no supermercado e o tempo rareou.

Ando fazendo o trivial, que não interessa a ninguém, é verdade, mas vale registrar para a posteridade que o trivial continua lindo e gostoso.

Feijão cozido, congelado e refogado com louro e temperado com garam masala (que agora arrisco botar em tudo), quase nada de sal. Espinafre refogado em um pouquinho de manteiga.

Macarrão salteado com atum em pedaços, em lata, um pouco do caldo da conserva, salsinha por cima e nada mais, nem sal. (É claro que dá pra viver com pouco sal e temperar com ervas, sementes moídas, pimentas).

Abobrinha refogada com cebola, tomate-cereja e queijo branco esmigalhado. Rodelas de cenoura cozida com sementes de erva-doce.

Tinha um pouco de farinha d’água em casa (mandioca posta para fermentar que depois fica meio granulosa, durinha; mais informações aqui) e resolvi hidratá-la com leite e baunilha. A farinha absorveu tudo e ficou cremosa, gorducha, um doce parecido com arroz doce ou canjica. Botei gotinhas de limão pra dar uma graça e como gelada.

“Rocambole” assado, feito com batatas cozidas e amassadas como purê, pouco molengas, recheados com sardinha, tomilho e páprica doce.

Nada disso tá fotografado – ou era digno da câmera – , mas juro que passei o mês bem feliz.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s